quarta-feira, 14 de abril de 2010

Depoimento de um pumeiro

Por Leandro Guilherme Pascholatti Gomes

Amigo Felipe

Agradeço sinceramente pela lembrança do meu nome na publicação Fabrica Puma - Presente e Passado. Para muitos PUMEIROS que foram até lá em 2006, a visita ao que sobrou da arquitetura da fábrica poderia ser algo sem sentido, um passeio chato ou alguma coisa assim.

Entendi o fato de muitos não irem! Lembro perfeitamente do tempo que percorremos até chegarmos lá. Se não me engano, eu estava de carona com o Caravellas, do Senzala até o Ipiranga foi um tempinho de carro.

Para eu que saí de Londrina - Paraná foi algo marcante. Poder ver aqueles prédios, lembrar na cabeça estas fotos de época, a da linha de montagem do GTB, todas estas fotos da Fábrica misturadas com o que vi tentava a todo o instante ver aqueles prédios com vida. Os funcionários trabalhando arduamente para deixar os felinos prontos. Ao tocar o parelelepípedo tentei sei lá, num momento de loucura sentir a vibração do local. Não sei, procurava uma voz daquela época me dizendo Bem Vindo Leandro a PUMA Indústria de Veículos S/A, o seu PUMA GTB está pronto te esperando. Loucura minha não? Lembro que pedi ao grande amigo Gustavo o seu GTB 1.977 emprestado para uma foto. Ele entendeu o sentimento e gentilmente sorriu. Mas o meu GTB e a GTE estavam ali comigo nos pensamentos, fotos na carteira, suas chaves e documentos no meu bolso. Doido eu? Era uma maneira de dizer que os filhos a casa tornam, fazer com que eles estivessem presentes naquele momento histórico pra mim.
Ver onde o meu GTB nasceu e a minha amada e eterna GTE 1972 companheira de muitos bons momentos, foi algo indescritível para mim. Tão gratificante quanto as amizades que o PUMA me deu. O fato de você lembrar da minha pessoa a cada instante me faz ter força para manter viva a chama desta paixão.

Quanto a algum pedaço ah meu amigo... isso infelizmente os quase 10 anos de PUMA me ensinaram que infelizmente não tenho condições suficientes para salvar todos. Então tenho que fazer o melhor para que o meu felino rode com saúde. Então digo o mesmo com relação ao material da arquitetura da fábrica. O que me conforta é que eu estive lá! Isso acalma este sentimento de não podermos ter guardado uma poeirinha sequer da sua arquitetura.

Visitei a Alfa Metais confesso que saí com o mesmo sentimento que saí da Avenida Presidente Wilson.... é.... o sonho acabou, o jeito é voltar pra casa e cuidar do meu felino e preservar a sua história.

Além do fato que acho que Deus usou estes felinos de fibra para unir pessoas de caráter e de bem. Acho que é o principal objetivo de tudo que fizemos.

Agradeço muito meu amigo pela sincera lembrança!

Fique com Deus e bom Final de semana!
Leandro Guilherme - Londrina - PR 1.978 PUMA 4.1 GTB
Clube do GTB - www.pumagtb.com.br

7 comentários:

Ariel disse...

Bacana!!

Leandro disse...

Pô Felipe... não imaginei que você iria postar. Fico mais emocionado ainda. Obrigado pelo carinho e amizade! Leandro GTB 1978

Felipe Nicoliello disse...

Não poderia deixar passar Leandro, gostei muito. E surpresa sempre é bom, não acha?

Dr. JMM disse...

snif snif....
chuinf chinf....

Alex disse...

grande Leandrão! Agora além de compartilharmos informações sobre os felinos, ainda temos os GTI´s!

Luby disse...

Esse Leandro é fera mesmo...

Agnaldo Murilo disse...

Muito bom Lelê!
Abraço