segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Catalogo Puma - GT 1500 1969

O segundo catalogo criado pela Puma (o primeiro foi o GT (DKW) 1967). Mostra o lindo Puma GT 1500 1969 e sua ficha técnica. Enviado pelo meu amigo Bernd Eise da Alemanha. Tanks Bernd!
Vale a pena ler, para saber sobre o carro e os termos técnicos daquele tempo.

10 comentários:

Luby disse...

No folheto diz que o aro da roda era 14, usavam aro 14 pra exportação ? Sempre soube as nossas usavam aro 13 este detalhe eu não entendi não, Felipe é com vc agora .....

Leo Gaúcho disse...

Cara, uma verdadera pérola!!!!Eu acredito Luby que a citação de roda 14" ainda se refere ao modelos que eram utilizados no 68, ou seja, as de aço, contudo aguaremos posição!

smarca disse...

Observem que a foto menor do painel não corresponde à foto maior onde se ve parte do painel.

Na menor não há o radio instalado, nem tampouco aqueles 2 instrumentos sobre o painel que existem na foto maior.

Outras curiosidades:

- Avanço inicial de 7,5 graus. Posteriormente a VW modificou esta curva para 10,0 graus de avanço inicial.

- Pressão dos pneus: D/T = 12/16 libras por polegada cúbica na época em pneus 7 X 14 "OU" 185 X 14. Atenção ao "OU". Diria que quase murcho o dianteiro, como um trator, hehehe.

Luby disse...

Bem lembrado Leo talvez estivessem se referindo as rodas de ferro das 68 e não houve a correção no folheto com relação as rodas de magnesio da 69, vamos ver oque o Felipe diz...

Fernando Portilho disse...

Felipe,
Este é o "Amarelo Lettry", você há de convir que o amarelo que você me enviou(as duas 69) uma de frente e a outra de traseira, mostra uma tonalidade bem mais viva.
Conclui-se que a GT 1500 69 saiu de fábrica com dois amarelos, um mais claro e um mais vivo.

Luby disse...

Diz ai Felipe que historia é esta do aro 14 ???

Felipe Nicoliello disse...

Luby,
Os primeiros Puma VW utilizavam rodas de aço (Kombi) aro 14, com pneus de Kombi 7.00x14 pneus diagonais. Depois vieram os pneus radiais 185x14. Só em 1969 os modelos começaram a utilizar as rodas aro 13 de magnésio. O por quê do catalogo mostrar o 69 com rodas de magnésio e na ficha ainda a concepção antiga, eu não sei. No mínimo aproveitaram o fotolito da última página, que já deveria estar pronto , com o Raio X de um Puma 1968, que inclusive saiu em algumas revistas de 1968. Para quem não sabe, quando mandávamos fazer um impresso, a arte era fotografada para fazer o fotolito, que era utilizado para fazer impressões a quatro cores. E cada fotolito custava uma grana.
Sandro,
O rádio não era original, colocava-se depois na concessionária ou loja especializada, assim como os instrumentos complementares. Claro que para a foto, deram um requinte, colocando o rádio e os instrumentos como era usado naquele tempo, por copinhos sobre o painel, muito comum nos Simca dos play-boys. Quanto a pressão dos pneus, a própria VW recomendava para o Brasília, 16 na frente e 20 atrás. Já no antigo Fusquinha 15/17. Como o Puma era mais leve, a pressão caía, sempre lembrando que os pneus tinham outra arquitetura, muito diferente dos atuais.
Fernando,
Não acredito, acho que era um amarelo só, com diferentes ângulos e luz. Essa foto feita em estúdio e aquelas outras ao ar livre, por mais que se controle as luzes ao ar livre, nunca é igual a do estúdio.
O dia que eu conseguir resolver o seu dilema, vou me sentir aliviado e vou gritar: EU CONSEGUI, EU CONSEGUI!!! rsrsrs E como sou teimoso, ainda vou chegar nesse dia.

Rui Amaral Lemos Jr disse...

O mais belo dos Pumas !!!

Anônimo disse...

Nesta época o botão da buzina eu acho que era o logo f1, ao invés da cara do puma. Posso está enganado!

Anônimo disse...

Engraçado,a foto de cima o carro é original a de baixo o carro é equipado,e os playboys da época colocavam som,instrumentos no painel etc. Mas não colocavam nem um retrovisor. hahahahah!