quinta-feira, 26 de maio de 2011

Espartano - Recriação (13)

Como eu havia comentado a recriação do Puma Espartano #48 recebeu uma travessa na parte traseira. Nada mais é que uma barra de aço de 6 mm que liga o suporte esquerdo do amortecedor traseiro ao suporte direito, e esta fixada na carroceria com vários parafusos.
A extremidade esquerda...
... E a extremidade direita.
A fixação no suporte.
Originalmente o Puma desse modelo até 1972, tinha um suporte em forma de cantoneira em "L" laminada na carroceria e fixada no suporte do amortecedor. Para dar maior rigidez na traseira do Puma foi efetuada essa modificação. Pode servir para qualquer Puma, mas no dia a dia não há tanta vantagem em função do trabalhoso serviço. Claro se o carro estiver desmontado será mais fácil.
O suporte original era esse aí da fotografia abaixo.
O Puma Espartano Recriação saiu da SPORTDAF e rumou para uma oficina no bairro do Campo Belo, no Zé, para iniciar a preparação para a pintura. Não que a Sportdaf não tenha competência para os serviços de pintura, muito pelo contrário, são competentes demais e claro o custo também sobe. Para o Puma Clube e por um um automóvel de corrida, o serviço será mais light, pois sendo o Zé que faz, temos a possibilidade de escolha do tipo de serviço. Já na "concessionária" do Domingos Avallone o padrão nunca cai. Carro de corrida, sujeito a batidas e esforços, tem outra conotação.

7 comentários:

Irineu disse...

Fazendo um jabá grátis pros meus amigos, recomendo fortemente a Sportdaf se o objetivo for restauração para obter placa preta. Meu amigo Domingos é extremamente competente, lida com Pumas desde sempre e é cercado de ótimos profissionais. E recomendo também fortemente a 06 Preparações para restaurações que não envolvam tapeçaria e montagem segundo o padrão para PP. Na 06 Preparações, do meu amigo Zé Roberto Farani, fica a base de operações do famoso e competente Ricardo Goldszmidt, especialista em Honda CBX 1050 Six, que sempre que olha para o Espartano réplica, diz: "isso vai ser divertido".

Marcio - Lajinha - MG disse...

Caro Felipe,

Com todo meu pouco conhecimento sobre PUMA, espero que na recriação do ESPARTANO, você atente para o detalhe da FOTO nº 2
onde apareçe o cabo de embreagem com abraçadeiras, se no meu com todo minha limitação monetária foi uma das coisas que elimenei, além do cabo do acelerador que era do fusca e tinha o mesmo problema, ser maior.

Consegui os dois cabos ai mesmo em São Paulo, em um site.
Em breve vou postar as fotos do meu felino como peguei e de como o recriei, espero que aprove após eu contar um breve relato de como consegui o feito.

Um abração e aguardo as fotos do ESPARTANO, após o "renascimento", já que acompanho seu blog, para aperfeiçoar detalhes que foram feitos no meu felino 1969.

Saudações

Márcio A. C.

*PS - MANDAREI TAMBEM, CONO JA TE PROMETI EM OUTRO COMENTÁRIO, UMA FOTO DE UM KARMAN GHIA, 1969 NA COR AMARELO - LETRIER "na me lembro o modo que escreve", este carro possui placas pretas.

Felipe Nicoliello disse...

Marcio,
Obrigado pelo seu comentário e aguardo suas fotos.

Eduardo Luis disse...

estou louco para ver este Espartano valente pronto.... não vejo o dia em ao acessar o blog, teremos a grande noticia do Felipe, postando, "O Dia E - renasce o mais famoso dos Espartanos" ... agora fui longe, até sonhei com o título do post.. mas que to curioso pra ver o bichano finalizado, isto to.... abraços...

Felipe Nicoliello disse...

Gostei do título Eduardo Luís,
Vou aproveitá-lo na época do acontecimento.

Neuri disse...

Uma barra dessas instalei no meu GTS 1980 quando restaurei. Utilizei uma barra com perfil "U" de 5mm ligando os dois parafusos e mantendo as fixações originais, sem remover a carroceria. O objetivo foi remover os tradicionais ferros chatos soldados por fora em forma de "T" que já ví em muitos.

Anônimo disse...

Há alguns bons profissionais,com preços bem honestos; trocando informações chega-se até eles. BOA PRESIDENTE.