terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Fora de área - Guepardo


Guepardo ou em inglês Cheetah, pronunciasse Chita (Acinonyx jubatus), um felino esguio e veloz. Atinge 110 km/h no quarto de milha, não deixando chance para sua presa. Dá pau em Puma (Puma Concolor), porque em 2 segundos já está a 72 km/h, mas cada um na sua classe e região (habitat)... O Puma é o felino com maior salto em altura, porque vive nas montanhas, o Guepardo é das planícies africanas e asiáticas (neste último território já extinto). Quer saber mais sobre ele, click aqui.
Nós também tivemos um Guepardo, em outra área claro, mas um felino de peso, como foram outros felinos brasileiros. Numa onda depois seguida por muitos, como o Nick da Dacon, o Guepardo veio para inovar o conceito de Cupê esportivo. Com estrutura e peças de veículo de linha, no caso o VW Voyage, o Guepardo recebia um novo conceito de desenho, aprimorando sua aerodinâmica, além de fornecer o status de um veículo singular. Não podemos esquecer que as importações em 1983 eram proibidas e muitas empresas surgiram no segmento, para suprir essa falta. A revista Motor3 de abril de 1983 foi enviada pelo meu amigo Maurício de Souza Costa, um colecionador e historiador dos fora-de-séries brasileiros. Nela temos a reportagem do Guepardo, um esportivo gaúcho criado pelo nosso amigo Ronaldo de Almeida Brochado, ex-engenheiro da Puma e Erico de Almeida Bastos Filho.
Interessante que a frente de Voyage traduzia em motor a água, pois o Gol nessa época tinha os faróis menores e motor a ar. Então em uma estrada, pelo espelho retrovisor poderíamos ver um Voyage, mas na realidade o Guepardo fazia mais que o veículo da VW, era um felino veloz. Fico imaginando um desse hoje em dia, com motor 2 litros injetado, nas estradas ia ser o "bicho"!
Interior de excelente acabamento e baita teto solar... Teto removível, quase um conversível.
Com a palavra o mestre Ronaldo para nos esclarecer mais sobre o Guepardo e responder as perguntas dos comentários.

15 comentários:

Anônimo disse...

Perfeito, Felipe!

Na realidade eu até te dificultei, mas como tens mtos amigos a revista foi até o blog:

- "...na 'Motor 3' tinha tb o francês 'Gabriel Hochet' q comentava e testava motos, ele teria distribuido a revista na França e foi de lá q recebí mtas cartas!"

No EUA eles falam em 'choped' para carros com o teto rebaixado, mas que mantém o estilo original. Aqui tb o estilo foi alterado.

Como resultado até a espuma dos bancos foi aprofundada e a costura central dos bancos levava, ao fundo, uma tira vermelha como nos 'De Lorean' (...ibdem para a costura na moldura do volante).

(Ronaldo)

saruê disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Dr. JMM disse...

hehehhee

Mauricio Morais disse...

Não me lembro desse carro nem dessa reportagem, já que colecionava e assinava a Motor 3. Talvez a melhor revista de carros de sua época. Dava um banho de reportagem nas outras.
O texto do José Luís Vieira era e é simplesmente perfeito.

Felipe Nicoliello disse...

Ronaldo,
Quais partes eram de fibra? O que ficava do Voyage?

Maurício,
Concordo, nos anos 80 era a melhor revista, pois englobava Carros, Motos, Aviões e Barcos. E eles não se prendiam a um conceito, o que existe de novidade, quer as grandes montadoras gostem ou não, eles publicavam. Nesse época já retratavam os antigos em algumas matérias.

Anônimo disse...

Fui prontamente recebido por:

- "...Motor3, Estadão/Jornal da Tarde, O Globo... e o 'Jornal do Brasil' veio atrás, em Porto Alegre, bem antes q 'outros' locais, dando tb grande destaque."

A carroceria recebeu mta funilaria, lógico, ...mas foi agregado em fibra:

- "...os novos parachoques, moldura/grade dianteira, teto e tampa traseira."

Um ponto crítico foi o acabamento por dentro da coluna traseira:

- "...foi dada uma solução semelhante ao do Fiat Brava."

Bancos dianteiros rebaixados na espuma, sem problemas:

- "...a boa surpresa foi no banco traseiro, onde foi possível fazer tudo q queria, 2 bancos separados que ficaram mto bons e esportivos."

A nova surpresa foi ver em outros blogs sobre carros antigos alguém comentando sobre o carro.

Nos 'orgãos oficiais'/internet ele é... "VW Guepardo" ...por ex.:

http://www.diariooficial.pi.gov.br/diario/200801/1472b06de099803.pdf

(Ronaldo)

Anônimo disse...

A redação da Motor3 em 83:

- "...a equipe era pequena, mas mto animada. O JLV era simplesmente agitadíssimo, transmitindo mta energia p/o grupo e tinha o grande Marazzi tb, o Paulo Celso Facin, depois, foi trabalhar c/o Gurgel!"

(Ronaldo)

Anônimo disse...

No protótipo tudo foi feito em chapa, ao estilo do Rino Malzoni:

- "...como já havia um bom 'batilasti'(*) para a carroceria, foi só dar continuidade!"

(*)o funileiro/chapeador era forjado na recuperação de carros Mercedes. Tb recuperou Mercedes de atores da Globo ...e deixou um aviso:

- "...carro da Mercedes ñ sofre no rígido monobloco central, simplesmente é "só" recuperar o resto!"

Trata-se do famoso 'Japa' - brasileiro de visual oriental e sotaque do interior paulista.

(Ronaldo)

De Gennaro Motors disse...

tenho essa revista

Tohmé disse...

Muito legal. Lembro-se desse "teste", assim como as revistas, cujos números iniciais não saem da minha cabeça.

Anônimo disse...

Felipe,

Assim -como o meu bugão aventureiro 'Laser'!- este Guepardo ñ apresentava 'silvos aerodinâmicos':

-...sempre um bom indicativo de bom trato aerodinâmico.

Em SP fomos a Bertioga com as esposas, tb fui a Parati e Rio:

-...o meu revendedor, de lá, 'Libra Veículos', ainda me comprou o 'Gol 1.3' que serviu de protótipo, era carro da frota VW, mas estava em ótimas condições, uma esposa da diretoria quis ficar com este modelo mais em conta. (pena o motor 1.3, fraco!)

Abçs,
Ronaldo

Anônimo disse...

O JLV(*) -mto técnico em suas avaliações!- deve ter introduzido esta 'medição de volume disponível por passageiro', em litros.

(*)Aliás ele até dirigiu aquele 'ônibus a jato' criado p/ GM, nos iniciais anos 70. Sua 'velocidade de cruzeiro' eram cravados e respeitáveis 140km/h e ñ era tão alto como os atuais 'doubledeckers capotadores':

- "...a crise de 74 e novos 'limites de velocidade' se encarregariam de finalizar -mui rapidamente- este promissor projeto."

(Ronaldo)

Anônimo disse...

E agora Ronaldo? O que está pensando em fazer? Só fala depois de pronto? Não gosta de 4X4?

Anônimo disse...

Calma!

Epa! ...mas rola mais info,
na página -> "Guepardo"

(...via 'FB'!)

Thanks one more time, friend Phil!

Abçs,
Ronaldo

Daniel Pardo disse...

Esse eu confesso que nunca tinha visto e olha que na década de 80 eu era criança e já lia as revistas de carro.