quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Mecânica - Suspensão Puma GTB

Muitos pumeiros não sabem sobre as suspensões do Puma GTB e GTB S2. Inicialmente ela era derivada da linha Chevrolet Opala, seja na dianteira ou na traseira. O protótipo Puma GTO, antecessor do GTB recebeu as suspensões do Opala, assim como amortecedores. Depois de muitos testes, Milton Masteguin resolveu mudar a suspensão traseira, partindo para a tradicional suspensão do Dodge Dart, com molas semi-elípticas (feixe de molas), incluindo os amortecedores do Dart. Segundo o Miltão (gosto de chamá-lo assim por lhe dar grandeza, igual a sua capacidade de engenharia), o Puma com a suspensão traseira de Opala se mostrava instável e difícil de segurar nas curvas. Como ele tem um centro de gravidade mais baixo, mais leve e menor que o Opala, não poderia ter as mesmas reações do Chevrolet, já que utilizava suspensão tipo bandeja, que não é fácil de acertar sua geometria. No caso dos "Puminhas", que também mudava o centro de gravidade, peso e distância entre eixos em relação ao Fusca, a suspensão simples se adapta nas mais diversas condições devido a sua regulagem também simples. 
Portanto, Puma GTB e GTB S2 utilizam suspensão dianteira de Opala e traseira de Dodge Dart, com seus respectivos amortecedores. A diferença nas suspensões entre o GTB e GTB S2 é  no nível  de carga de molas e calibragem dos amortecedores, no S2 mais macia.   
Abaixo parte da reportagem da revista Quatro Rodas sobre o teste do GTB.

3 comentários:

Itacyr disse...

Felipe O que vc acha em termos de performance o chassis da gtb na parte dianteira? Não seria muito mole aquelas longarinas de opala sem estarem amarradas aos paralamas q nem os opalas? Um abração Ita

Anônimo disse...

Caro Felipe e demais usuários.

Conforme minha consulta em 08/02, estou precisando trocar os amortecedores do meu GTB S2.

Comprei na Rogercar dois amortecedores de dodge Dart cuja referência bate com a aplicação em catálogo.
Porem, os amortecedores são mais longos que os que estavam aplicados e a suspensão traseira ficou batendo muito, alcançando fim de curso em qualquer imperfeição do piso.

Decidi então encurtar as hastes dos novos amortecedores, mas ainda assim os amortecedores chegam muito facilmente no fim de curso.

Vocês acham que deveríamos diminuir mais ainda a haste, ou poderíamos achar no mercado alguma alternativa mais apropriada?

Pesquisando na internet, já vi informações sobre similaridade com os amortecedores da pampa, da kombi, SP2 e karmann ghia TC. Alguém tem alguma experiência sobre essas alternativas?
Grato.
Olavo Alves

jose evaldir Pereira disse...

Na traseira uso faz muitos anos do aero willing. Nunca tive problemas.