sexta-feira, 1 de outubro de 2010

História - Pilotos da Puma

O vídeo foi gravado pela Autotecnica TV Brasil no Rally de Regularidade promovido pelo Jan Balder em Interlagos no dia 24 de julho de 2010. Depoimentos de Anisio Campos, Francisco Lameirão e Jan Blader nos dá uma ideia do começo da Puma em corridas. Lameirão fala em seu depoimento a solução dada por Miguel Crispim Ladeira, o gênio da mecânica na Puma. Excelente vídeo, muito bem produzido, uma pena que cortaram minha aparição no final. rsrs

6 comentários:

Luby disse...

Eu tive um 66 e estou levantando a historia dele, pelo que sei se encontra em otimas mãos atualmente.....

Fernando Portilho disse...

Felipe, este post foi um presente para quem gosta das "Feras" e sua origem.
O protótipo que o Anísio mostra, creio que poucas pessoas viram, mesmo que através de fotos.
O depoimento do Chico Lameirão e Jan Balder, ídolos da época que víamos apenas de longe e se tornavam nossos herois a cada corrida.
Valeu mesmo!!!!
Abraço, Fernando.

Anônimo disse...

tem uma fukinha poÇante atrás

Alex disse...

Video sensacional.

Felipe, eles sabe o que fazem, por isso cortaram qdo vc aparece, kkkkkkk

Te pago uma gelada em floripa depois dessa!! rsss...

Abraço!

Felipe Nicoliello disse...

Adorei esse vídeo pelo conteúdo, só feras. Se vocês soubessem como eles tem histórias para contar... Vou comprar um gravador para quando conversar com eles.

Realmente, a imagem mostra o Fusquinha embaixo de uma poça de óleo, precisa ver se era dele.

Zanolla, mas um pedaço da minha careca aparece. No Puma Tubarão verde metálico, eu estou abaixo conversando com o dono do carro, o meu amigo Rui Carlovick. Logo depois o reporter chamou o Rui para gravar e derepente ele me puxou para aparecer na gravação. Não falei nada, apenas o Rui me apresentou. É que o reporter não sabia direito quem eu era, porque depois que soube...

Cortou!!! rsrsrs

Alex disse...

Felipe, sobre histórias desses homens que viraram lendas, presenciei ainda esse ano no encontro de Teutônia várias histórias dessas contadas pelo Bird Clemente, enquanto ele aguardava a preparação de seu carro para subir a montanha.

E o interessante, é que as histórias são contadas com tanta vida, tantos detalhes, que parecem que foi ontem que aconteceram.