quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Mini-Puma

Um projeto de 34 anos que continua bem atual. Você não compraria um carro desse se fosse vendido hoje em dia, mesmo sem mudança nenhuma?
O projeto de Milton Masteguin utilizava motor holandês DAF de dois cilindros, rodas aro 10' e carroceria com design avançado. Um recorde de desenvolvimento de projeto, para ser apresentado no Salão do Automóvel de 1974. Essa história é muito bem contada por Roberto Manera, na reportagem da Revista Quatro Rodas a seguir, click na imagem, pois vale a pena ler.
Mesmo não tendo conseguido o apoio do governo para a fabricação do Mini-Puma, a Puma não desistiu da idéia. Em 1982, uma associação com a Daihatsu, visava a fabricação do Cuore no Brasil com o nome de Mini-Puma. Para tal, a Puma precisava de um aval financeiro e mais uma vez não foi possível o sonho do carro urbano.

7 comentários:

Dr. JMM disse...

Eu compraria de olhos fechados. Muito funcional, como tudo que a puma pensou.

Cesar costa disse...

Onde será que anda hoje? Algum tempo atrás vi a foto da carroceria encostada em um muro, se não me engano, em Curitiba.

Cesar Costa disse...

No portal Autoclassic perguntei ao Kiko Malzoni sobre este carro e ele disse que seria uma réplica feita por uma empresa, cujo nome ele não se recorda. Muito estranho...

Felipe Nicoliello disse...

Cesar,
Essa história de réplica eu desconheço, nunca ouvi falar.
A carroceria de madeira que tinha mecânica VW motor a ar cortado para 2 cilindros, que frequentou exposições, foi destruída. Já a carroceria de fibra, com chassis tubular e motor DAF, foi tudo para Curitiba na transferência da Puma. Lá foi sucateada pela Araucária para os ferros-velhos da região. O Telles do Puma Club de Curitiba comprou essa carroceria e dois desses motores. O chassis devem ter picado. Assim como o chassis tubular do P-016 com motor AP 600, que segundo meu amigo Marcos Pasini, ficou em um canto da fábrica na Av. Presidente Wilson, qdo do cancelamento do projeto, pode ter ido tb para Curitiba também e levado o mesmo fim, ou seja, ferro-velho e ninguém salvou, pelo que me consta.

Cesar Costa disse...

Também nunca tinha ouvido falar nisso. Sabe-se lá que tipo de interesse ainda rola hoje, né? O portal é www.autoclassic.com.br

Anônimo disse...

gostaria de ajuda para remontar um puma que salvei da destruição total abraços.

Cristiano Alves Pereira disse...

O Brasil desde antigamente é governado por vagabundos e vigaristas mafiosos, continuando assim a ser um pais atrasado tecnologicamente, digo isto por ver a falta de interesse por parte do governo para apoia a indústria nacional, só visando as lá de fora em troca de dinheiro que nunca veremos a cor, assim fizeram co a gurgel, é uma pena lametavel1