quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Puma de corrida - Tarumã 1971

A primeira prova do campeonato Sudam realizada no autódromo de Tarumã em Porto Alegre-RS. Era um campeonato entre brasileiros e argentinos e o nosso Puma estava lá brigando por um lugar ao podium. Agora quero ver os experts descreverem os carros.

5 comentários:

iRineu disse...

Bom,

De cabeça sem ver minhas revistas, o bem do meio (laranja com seta preta e com o desenho do Fradinho) é o Casari A1. A frente dele lembra a do AC porque é uma frente de AC. He he he...

O amarelo #4 é um Berta Tornado.

Atrás tem duas Lolas. A de um farol só era de uns caras do Rio de Janeiro. A outra era do Avalone. Essa era uma Mk IIIB (se não me engano). Uns dois anos depois ela capotou e pegou fogo na frente dos boxes em Interlagos. Eu tava lá e ví. Ressurgiu não sei como, como sendo "original". He he he... ví o tanto de originalidade que sobrou dela, com os bombeiros penando pra tentar apagar as rodas e outras partes dela que eram de magnésio.

O outro carro laranja da fila da frente não sei se é Royale ou o quê.

Aquele branco com sto. antonio quadrado, também não sei/não lembro o que é.

O Puma, também não sei se é Espartano. Mas pra se meter nesse grid no mínimo era um 2000cc com vira roletado e dois Weber 48 IDA, que era "a" receita na época.

Mas... he he he. Achei as respostas em http://www.obvio.ind.br/GP%20INTERNACIONAL%20TARUMA%201971.htm.

Só pra temperar, aquele bagúio com um parabrisas enorme no fim do grid é um protótipo feito a partir de um Regente, portanto, de um Simca.

Anônimo disse...

Phil,

...peguei mais 1 !!!

Qquer coisa reclama, mas acho bom p/a família PUMA:

- "...me orgulho" ...hehe!

Abçs,
Little Ron

Cesar Costa disse...

O outro Spyder laranja é o Repe, ou Casari A2 da Equipe Brahma. Feito em alumínio pelo Renato Peixoto de Castro, em Petrópolis...As duas Lolas lamberam em Interlagos!

Cesar Costa disse...

Irineu:
No capô do A1 o personagem é o Sig (o rato que ruge), do Jaguar (o Fradinho era do Henfil), rebatizado pela Brahma de Choppniques, por ter uma caneca de chopp na mão...

gabriel disse...

raridades que se perderam no tempo será que ainda existe alguma dessas maravilhas gardadas por ai e nos nao sabemos aonde estao

um abraço a todos.
há nesta epoca eu só tinha 6 anos e já gostava de puma pois perto de lá de casa tinha ums filhos de um medico que tinham uma mini puma e eu ficava louco pra ver de perto quando eles passavam e o pai deles teve uma gtb 77 branco perolizado que eu cheguei a andar muito tempo depois co muita amizade com um dos filhos dele. que maquina ainda lembro ate hoje como ela acelera.

um abraço