terça-feira, 12 de abril de 2011

Cor do Tanque Combustível até 1979

O Puma VW como todos sabem utilizava a plataforma do Karmann Ghia e depois do Brasília. Junto com a plataforma vinham também os tanques de combustível fornecidos pela Volkswagen do Brasil. Da mesma maneira que a Puma recebia colocava em seus carros. Então o padrão de cores dessa peça era ditado pela VW, portanto a regra a seguir serve para toda linha VW no Brasil. A cor era um cinza escuro utilizado desde os primeiros Fuscas fabricados no Brasil.
Tanto no Fusca como no Puma, o tanque ficava parcialmente coberto, mas ainda assim aparecia uma ponta do tanque, denunciando a cor.
Com o tempo, no caso dos Puma, a cor ia ficando desbotada e passando para um tom de cor bem bonita.
Abaixo uma foto colhida na Internet de um tanque de Fusca 1200.
AH! Vocês querem a formula para mandar fazer a cor, correto? Tá bom, aí vai:

5 comentários:

Alex Z disse...

e depois de 79 tio?

Anônimo disse...

Felipe, o bocal era cortado depois ressoldado, certo? eles pintavam da mesma cor depois disso?

Pergunto isso pois a lataria do motor é preta e prata por este motivo...

Abraço

Deni Marinho

Felipe Nicoliello disse...

Alex,
Calma, vinha hoje, mas não deu, só amanhã.

Deni,
A publicação sobre sua pergunta já está no ar, veja: Tanque de Combustível - A Transformação.

Andre luiz disse...

Felipe,tem como adaptar um tanque com maior capacidade em um puma gti? Por exemplo o de 55 litros?

Felipe Nicoliello disse...

Andre,
Difícil, qualquer aumento de tamanho não vai fechar o capô. Alguns Puma de corridas, que participavam de provas longas, colocavam tanques de 60 ou 80 litros, mas o capô era alterado, ficando com um ressalto bem alto.