sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

MENOS UM - GTE prata

O Kevin, leitor e apaixonado por veículos antigos achou essa foto na Internet. Realmente nunca mais voltará a ser um Puma, agora é um protótipo de um novo carro.Logo depois da publicação, o meu amigo Marcos Gagliardi, repórter fotográfico do Puma Classic, me mandou as fotos abaixo. E como o meu amigo Irineu comentou, esse Puma está assim há mais de cinco anos, dos tempos que íamos na Avenida José Maria Witaker em São Paulo. Eu o vi pessoalmente, mas não lembrava.

14 comentários:

Mazinho Rocha disse...

Quer ver a trazeira "disto"? http://autosclassicos.blogspot.com/2011/04/transformers_19.html

iRineu disse...

Esse carro é velho conhecido de quem frequentava o antigo encontro de carros de fibra-de-vidro da Av. José Maria Whitaker. É, na ótica de quem gosta do desenho dos Puma, um descalabro. Mas o carro foi muito bem feito. Tudo nele foi mudado, incluindo o motor que é de Golf.

Carlos disse...

Nuossssssssssssssa!

Luis Wiener disse...

Para quem viveu a década de 70:
Que que é isso, minha gente!!!

Dr. JMM disse...

é um mustanguma??? mistura de puma com merda nenhuma???

Eduardo Nogueira disse...

q traseira é esta... q carro é este.. fiquei curioso em saber que lanterna é esta na traseira do 'frank'..hehehe

walter ramos disse...

Essa foi muito boa JM .
Perfeita a fusão das palavras .
Honestamente, se não falam que foi um PUMA , eu passaria batido.
Nunca vi uma descaracterização tão grande.

Walter

kevin garcia rosa disse...

Este carro esta a venda! Segue o link

http://cidadesaopaulo.olx.com.br/puma-prototipo-hot-sport-turbo-tunning-porsche-charger-v8-iid-42738280

O mais engraçado (ou tragico) e ver no anuncio pessoas dizendo que adoraram e queriam fazer o mesmo no seu gte Oo

Marcos Gagliardi disse...

A lanterna parece do gol bola g4 posta "de ladinho"!

Rinaldi disse...

a traseira parece um MicroSystem.

Douglas de Almeida disse...

A lanterna é de Parati G3.

Luby disse...

O artista se superou nesta criação..

Anônimo disse...

Pessoal, sou o Douglas proprietário do veiculo que está sendo criticado, não e uma Puma, nem o documento está impresso tal informação. Portando os comentários sobre o "FRANK", deve ter limites. Todo fanatismo passa dos limites, nunca haverá um produto que agradará a todas as pessoas.

Felipe Nicoliello disse...

Douglas,
Está certo, menos mal se nos documentos não consta Puma.
Mas a gente sabe que a base utilizada para construir seu protótipo foi um Puma Tubarão, só não dá para saber o ano, de 1970 a 1976 1a. série. Por isso a moçada cai de pau. Se vc tivesse mudado o para-brisa e suas colunas + o desenho das portas, ninguém faria essa associação, já que as outras mudanças foram radicais. Mesmo que não tenha feito o trabalho em cima de um Puma bom, que tenha comprado uma carroceria detonada, que não teria salvação na originalidade, não deixa de ser um Puma, então, Menos Um, que não desmerece de forma alguma, mas nunca mais vai existir como Puma. Por isso do título dessas matérias. Um Pua completamente destruído, por diversos motivos, idade, acidente, etc., também será Menos Um.