quinta-feira, 28 de maio de 2009

Suspensão Puma GTE/GTS a partir de 1976

Tabela de Alinhamento da Suspensão
Dianteira: de 0 a 0,5° negativos de cambagem, cáster com a mesma regulagem dos Brasília originais, convergência de 0 a 2 mm (ALINHAR O CARRO COM O TANQUE PELA METADE E LASTRO DE 40 KG NO BANCO DO MOTORISTA)

Traseira: 0 de convergência e 14°30' no facão (medir com goniômetro)

Consultoria: Irineu Desgauldo Jr.

3 comentários:

smarca disse...

Prefiro inicialmente alinhar com o tanque cheio sem lastro e conferir os extremos a que chega a convergência comigo (e "semmigo") de lastro e fazer algum ajuste final.

Cambagem de 0,5 grau negativo fica perfeito, não pesa o volante e o carrinho fica realmente na mão, tanto em curvas como em retas de alta.

branquinho disse...

Para Puma GTS 1975, chassi de KG, muda muita coisa, ou segue o mesmo padrão. Abraços.

Irineu disse...

Não tenho os dados da suspensão dianteira para Pumas com chassis de KG mas pode-se seguir o mesmo padrão. Para a traseira vale com certeza a mesma coisa que para os Puma com chassis de Brasilia.

Abraço,

Irineu